Main | no calabouço da doença »

broken social scene

quarta feira a patricia me chamou no messenger pra contar que o desfile da laundry havia sido adiado. o motivo era o que todos temiam e esperavam: uma associação de senhoras do pacaembu entrou com uma liminar na justiça pra que o evento não acontecesse no prédio de uma antiga febem que está localizado no bairro. com este obstáculo, os desfiles foram adiados para indefinida data para que tanto a casa de criadores possa recorrer quanto possa procurar outro local para sua realização.

apesar dos desfiles adiados, a festa de abertura não pôde ser prorrogada e a patricia queria saber se eu e o fabricio não gostaríamos de ir. a patrícia adora dizer que eu e o fabricio nunca saímos de casa, e embora isto seja verdade, é somente em termos: nunca saimos de casa = festas noturnas de âmbito social onde 95% dos presentes são desconhecidos.

diante do pensamento de que a semana estava indo ok e ao mesmo tempo precisando de um empurrão pra ficar melhor eu liguei pro fabricio perguntando se ele queria ir. sim.

na sexta feira o fabricio chegou da academia por volta das dez da noite e já disse que estava indo se arrumar.

fabris: vamos cedo, né?
eu: por que?
fabris: porque senão tu desligas.
eu: é verdade.

eu desligo, e o fabricio adora dizer pras pessoas que eu desligo. o que acontece é simplesmente que em determinada hora da noite tomada por um sono insuportável eu desligo, onde quer que esteja. a última vez que isto aconteceu em público foi na festa da casa nova do emiliano e da letícia. o marco loco estava ali ao meu lado falando e falando e eu, numa tentativa frustrada de não desligar por completo, desligava por segundos e voltava até que o desligamento durou mais de um minuto e o marco loco percebeu, assim como o fabricio que de imediato, se levantou e explicou a todos sobre o meu funcionamento. a carmela desliga, sabe?

o fato de eu desligar não é motivo de sairmos tão pouco. eu pessoalmente não compreendo como alguém consegue gostar de sair na hora em que se deveria estar indo dormir e embora eu não esteja bem certa dos motivos do fabricio em não me incomodar para sairmos mais, eu visualizo a posição dele de gostar de ficar em casa por um único ângulo: assim ele pode jogar mais video game.

eu não sei qual a relevância disto, mas eu preciso dizer que o fabricio foi de calça jeans, regata preta e havaianas enquanto eu resolvi usar pela primeira vez aquele meu vestidinho (de quinze reais) preto de bolinhas cor de rosa que a mãe comprou pra mim na benedito calixto (na real o vestido custava vinte, mas a mãe mentiu pra mulher dizendo que só tinha quinze na carteira). o lance do vestido é interessante porque ele é uma coisa linda embora tenha um grande defeito: tu não podes ter barriga - e eu tenho. dane-se eu pensei.

a festa promovida pela casa de criadores foi em parceria com o site da erika palomino e tomou espaço lá no terraço do shopping light no centro de são paulo. lá de cima tirando o óbvio de que são paulo é linda! tu enxergavas o teatro municipal, o prédio da prefeitura de são paulo (não, o serra não estava trabalhando naquela hora. o fabricio fez questão de apontar pro provável gabinete dele de modo a me fazer ver que as luzes estavam apagadas) e até mesmo o viaduto do chá que conforme eu aprendi recentemente, foi o primeiro viaduto de são paulo.

quem iria se apresentar (e realmente se apresentou) na festa foram os alemães do märtini brös que por amor aos meus ouvidos, jamais deveriam ter ligado seus equipamentos. eu juro que eu não consigo compreender o que faz uma pessoa sair de casa na hora em que deveria estar indo pra cama e ainda por cima, pra ouvir esse tipo de som. ah sim, tu podes ter sorte e encontrar teus amigos.

a patricia viu que uma menina havia "secado" o fabricio com os olhos, a liege beijou a todos nós na boca (versão hebe mais popular) e sim, ela também fez dancinha com a barriga dela. a lu estava distribuindo herpes em sua pequena garrafinha de bebida gelada, o namorado da lu sugeriu que a patricia teve inspiração para sua mais nova coleção em histórias infanto-juvenis sadomasoquistas e claro, a patricia foi obrigada a apresentar o valério araújo para a liege que claro, o beijou na boca.

a cris deve ter pisado no meu pé com aquele salto dela pelo menos umas cinco vezes, mas se tu conheces a cris, tu compreendes. ela é amiga coadjuvante da liege, de forma que de estabanada, ela tem tudo o que a primeira também tem.

o prêmio da noite para melhor styling foi para nada menos que o andré hidalgo (idealizador da casa de criadores) que simplesmente roubou os olhos do fabricio a noite toda. também pudera, o cara tava vestido com um shorts branco, camisa estampada com detalhes de mãe leoa e leãozinho, um cinto prateado brilhante e tênis - de academia!

patricia: ah, fabricio, tá na hora de tu começares a cortar tuas calças também.

ps.1: eu agora me chamo carmem, mas ainda namoro o fabricio lima.

ps.2: como eu não preciso lembrar, na sexta feira eu tinha REPROVADO na minha prova prática do detran/sp.

fabris: tu sabias que a carmela está aprendendo a dirigir?
patricia: não! é verdade?
eu - movendo a cabeça na capacidade máxima do "não fabricio!" - hoje foi a prova, eu não passei.
patricia: ah, mas tu vais passar! e eu tô com minha carteira vencida há dois anos!
eu: é...(por favor deus, não me faça chorar de novo)
patricia: mas tu não vais dirigir carmela! eu duvido!
fabris: claro que vai, ela vai te visitar.
eu: é verdade, sabia que eu só estou aprendendo a dirigir pra poder ir te visitar?
patricia: "abraço". "apertado".

TrackBack

TrackBack URL for this entry:
http://www.meltoni.com/cgi-bin/mt/mt-tb.cgi/21

Comments

Eu tenho esse problema séeeeeerio de não ter muia disposição pra baladas noturnas.E a cada ano piora mais. Eu queria aprender a desligar também, o problema é que eu sou tão neurótica que não consigo. Aí fico num * mau humor coçando a orelha e fazendo bico pra ir embora.

Olá, Carmela!

Há quanto tempo... Estamos com um Journal bem bacana aqui na UseFashion agora e gostaria de mandar um exemplar para que tu e Fabrício conheçam.

Por favor, me mande o endereço de vocês para aline@usefashion.com

Aguardo, tudo de bom,

Aline Ebert (Nina)

HAHAHA....Parece que e problema de familia!! Eu desligo tambem...bem agora nao preciso "scroll down every 2 lines" para ler o seu blog...tava me matando os olhos. Sabe que eu e a Jena somos assim tambem: Vamos sair? Beleza! No minuto que chegamos la...tamos morrendo de sono: Vamos embora? Beleza!

HAHAHA...e mais um pouco: HAHAHAHAHAHAHAHA....HAHAHAHAHAHAHA....A Carmenzinha com o vestidinho de bolinha cor-de-rosa! CARMEM! Ve se me escreve!

carmen, como tu é FAAAAAASHION!!!!!!!!!
tô chocada! e diz pro fabris ir mudando esse nome já. fabricio lima deve dar muito mais dinheiro!
ADOREI!

Post a comment

(If you haven't left a comment here before, you may need to be approved by the site owner before your comment will appear. Until then, it won't appear on the entry. Thanks for waiting.)

Name:

Email Address:

URL:

Remember personal info?

Comments:
(you may use HTML tags for style)

Categories

Powered by
Movable Type 3.35